O que representa a nova lei da proteção de dados para os marketeers?

Paulo Castanheira Dinis
Paulo Castanheira Dinis em 18-01-2018 18:50

O que a nova lei de proteção de dados representa para os marketeers e para o email marketing

Quantas vezes já recebeu um email ou um sms de uma marca com a qual nunca teve qualquer interação e se perguntou: quando é que eu dei os meus contactos a esta empresa?!? A verdade é que, na maior parte das vezes, não deu...

Sabe aquelas letrinhas pequeninas que aparecem ao lado do botão para submeter os seus dados num site? Pois é, se se der ao trabalho de ler aquilo com que está a concordar, vai ver que diz que as marcas têm o direito de tratar e partilhar os seus dados com outras empresas do grupo...

Descubra então o que vai mudar com a nova lei de proteção de dados (que vai entrar em vigor a 25 de maio de 2018) e que implicações vai trazer à forma como a sua empresa faz email marketing:

Quais as empresas que serão abrangidas pelas nova lei da proteção de dados?

Aqui a resposta é simples! Todas as entidades que recebam e tratem dados pessoais, quer o façam em nome próprio ou para terceiros, devem respeitar a nova lei da proteção de dados e podem ser responsabilizadas em caso de infração.

O que vai mudar com a nova lei?

A grande diferença é que o novo regulamento obriga as empresas a pensar na privacidade e segurança dos dados pessoais "by design" e "by default". Ou seja, as empresas ficam obrigadas a comunicar de uma forma transparente como e se vão utilizar os dados pessoais, através de uma linguagem clara e sem recorrerem a opções pré-validadas ou quaisquer omissões de informação. Além disso, devem também assegurar que os dados recolhidos serão apenas utilizados para os fins para o quais foram cedidos e não para enviar outros conteúdos promocionais ou publicitários.

Outro ponto importante é que os cidadãos vão poder exigir que uma empresa elimine todos os dados pessoais que tenham em seu poder ou que os transmitam a outra empresa em caso de portabilidade de um serviço. Isso vai permitir uma maior concorrência entre empresas e facilitar a mudança de prestação de serviços para os cidadãos.

Que alterações terá de fazer na sua empresa?

Uma das grandes alterações será a criação (ou nomeação) de um Encarregado de Proteção de Dados, ou seja, uma pessoa que faça a ligação entre os vários departamentos das empresas e que garanta que a lei de proteção de dados é realmente aplicada.

Todas as empresas são obrigadas a ter um Encarregado de Proteção de Dados?

O Regulamento Geral de Proteção de Dados requer a designação de um Encarregado de Proteção de Dados para:

• Organismos públicos (exceto tribunais);

• Empresas cujas atividades principais exijam um controlo sistemático e regular de dados em grande escala, como telecomunicações, bancos ou seguradoras;

• Empresas ou organizações cujas atividades principais exijam um tratamento em grande escala de dados biométricos, genéticos ou de saúde ou relacionados com condenações penais e infrações.

O que acontece se as empresas não cumprirem a nova lei da proteção de dados?

O novo regulamento prevê mão pesada para os prevaricadores, com coimas que poderão ir dos 10 milhões de euros, ou 2% do volume mundial de negócios, aos 20 milhões de euros, ou 4% do volume mundial de negócios da empresa.

Qual o impacto desta nova lei no email marketing?

A partir de maio, os consumidores vão passar a ter mais controlo sobre os seus dados e, as empresas que enviarem emails sem permissão, poderão ser multadas.

Além disso, este estudo mostra que 90% dos consumidores concordam com as novas regras da proteção de dados e que 60% preferiam até não receber quaisquer emails de empresas...

Será que isto quer dizer que o email marketing vai acabar? Não! Tente colocar-se no lugar dos consumidores: das dezenas de emails que recebe diariamente, quantos deles vão diretamente para o lixo, sem sequer os abrir? Muitos, certo?

Isso permite-nos tirar algumas ilações importantes e que podem fazer toda a diferença na forma como faz email marketing na sua empresa:

• Não envie emails iguais para toda a sua lista de contactos. Pense primeiro na mensagem que quer transmitir e a quem a quer transmitir. Depois, escolha o canal que lhe vai permitir alcançar os seus objetivos;

• Conheça a sua base de contactos e use técnicas de machine learning para conseguir enviar menos emails, mas mais segmentados, pessoais e relevantes;

• Olhe para as métricas de email marketing e descubra o que está a funcionar ou não.

Se o fizer, vai ver que, além de não receber nenhuma multa, vai conseguir fazer com que a sua audiência valorize ainda mais a sua marca ou empresa.

Se precisar de ajuda para montar uma estratégia de email marketing ou para definir as ferramentas ideias para si, fale connosco.



FAÇA DOWNLOAD DESTE EBOOK E DESCUBRA COMO TRANSFORMAR O SEU WEBSITE NUMA MÁQUINA DE GERAR LEADS.

Dowload Ebook 30 Dicas e truques para gerar leads

Topics: Email Marketing

SOBRE O BLOG LATIGID

As mais recentes novidades e tendências sobre o Digital, com conteúdos sobre Inbound Marketing, websites, blogs, Email Marketing, SEO, PPC e Social Media Marketing.

SUBSCREVA O BLOG E RECEBA TODOS OS ARTIGOS NO SEU E-MAIL!

17_mitos_300x409.png
Download do ebook

artigos mais lidos

Subscreva o RSS