10 Dicas de SEO para chegar à 1ª posição do Google

  • Latigid
  • Blog
  • 10 Dicas de SEO para chegar à 1ª posição do Google
10 Dicas de SEO para chegar à 1ª posição do Google
26/10/2016 Tiago Esteves SEO

O marketing digital e as técnicas de Search Engine Optimization estão em constante mutação, apresentando rápidas mudanças que devemos acompanhar e compreender se queremos ser os primeiros nos rankings de motores de busca.

Depois de muitas pesquisas e leituras decidi escrever um breve artigo com algumas dicas de SEO para antecipar o próximo ano de 2017.

O website de uma empresa é a porta de entrada de potenciais clientes (sinónimo de mais negócio), por isso é importante que seja o mais visível possível nos motores de busca. Para isso, precisa de ter um bom ranking, que será obtido através de vários fatores. Numa perspetiva simples, pense em qualidade e em quantas vezes o website disponibiliza conteúdos que vão responder às pesquisas de potenciais clientes.

Enquanto os algoritmos dos motores de busca se atualizam e modificam, existem pequenos passos que podemos implementar para chegar às primeiras posições do Google:

1. Criar conteúdo de qualidade

O conteúdo continuará a ser Rei, e a melhor forma de obter o melhor ranking possível para o seu website. Se o conteúdo que cria for bom e original então o aumento de tráfego para seu website vai ser evidente.

Atenção: o conteúdo deve ser escrito para os seus potenciais clientes e nunca simplesmente numa lógica de aparecer. Escreva regularmente e conheça bem os seus potenciais clientes, definindo buyer personas.

2. Keyword Research

A importância do conteúdo e do conhecimento dos seus potenciais clientes está diretamente ligada às keywords que utiliza. Procure a equação perfeita: keywords com baixa concorrência e com grande volume de pesquisa.

Vai encontrar conjuntos de keywords onde será mais fácil posicionar o seu website/conteúdo e onde obterá tanto ou mais tráfego do que em keywords com muita concorrência e grandes volumes de pesquisa.

Dica: utilize o Google Keyword Planner para o seu estudo de keywords.

3. Os motores de pesquisa conhecem o seu Bounce Rate

Se o bounce rate ou taxa de abandono do seu site for acima da média, os motores de busca vão perceber que o seu website e conteúdos são pouco relevantes para os visitantes. Taxas de abandono elevadas e baixos click-trough-rates (CTR) vão afetar negativamente os resultados em pesquisas.

Não se esqueça: crie bons conteúdos, relevantes para o seu potencial cliente e internal links.

4. Internal Links

Utilizar links internos significa dar mais valor às suas páginas e mostrar aos seus visitantes que existem mais motivos para permanecer no seu website.

Utilize links relacionados, ou seja, páginas com temas relacionados ou complementares, bem como keywords e anchor tags. Não abuse nos links, mais de 4 ou 5 links internos numa página podem ter o efeito contrário ao pretendido.

5. H1 Headers

O header title, ou <h1> tag em HTML, é, por norma, o título de cada uma das páginas do seu website ou blog. Deve ser suficientemente explicativo sobre o que trata a webpage e deve conter a keyword. Aproveite para utilizar outros header tags, como h2, h3, h4 e h5. Cada um terá menos valor, mas o conjunto facilitará a hierarquização da informação, representando uma oportunidade para dar valor às suas keywords.

6. Social Media

Hoje em dia, as pessoas não pesquisam apenas no Google ou no Bing. Na verdade, as redes sociais também representam formas de pesquisa. Seja no Facebook ou no Twitter todos nós consumimos notícias e conteúdos. Existem muitas oportunidades para demonstrar a existência do seu website nestes canais, por isso mantenha uma presença dinâmica e garanta atração para o seu website.

Oportunidade: já experimentou pesquisar no Facebook por #dicasSEO? E já pensou em encontrar pessoas com interesses semelhantes aos seus?

7. Multimedia: Imagens, Vídeos e Rich Snippets

A existência de conteúdos multimédia é um elemento importante na estrutura de um website, mas a verdadeira importância está na facilidade de consumo por parte dos visitantes do seu website. Por exemplo, a utilização de vídeos aumenta as possibilidades de subir nos rankings do Google. Mais ainda se os evidenciar através de rich snippets.

8. Mobile Friendly Websites - Go Mobile!

Pode parecer repetitivo, mas nunca é demais repetir que o seu website tem de estar optimizado e oferecer uma excelente experiência a quem o visita num dispositivo móvel.

Sabia que: de acordo com o Google, a média de pesquisas em mobile já é superior a 40%.

9. LSI Keywords

Os motores de pesquisa estão cada vez mais inteligentes e responder apenas a uma keyword primária já não é suficiente para encontrar os seus potenciais clientes. E o culpado disso é o Latent Semantic Indexing. Tratam-se de keywords que estão semanticamente relacionadas com a sua keyword primária que, tendo em conta o conhecimento do seu potencial cliente, está a trabalhar para lhe responder. O exemplo mais simples é: "Oculus" e "Realidade Virtual".

Desafio: experimente criar as suas LSI Keywords.

10. Pesquisa por voz - Voice Search

Voice Search já é uma realidade, como estes números demonstram. As pessoas estão a falar com os seus dispositivos móveis e a questionar para receber respostas assertivas. Atualmente, em média, 55% dos jovens e 41% de adultos utiliza pesquisas por voz numa base diária e este número tem tendência para crescer. Resta-nos otimizar conteúdos e dar respostas a questões de potenciais clientes.

As vantagens deste tipo de pesquisa para os utilizadores são evidentes: rapidez, hands-free, possibilita o multi-task e, junto do público mais jovem, é considerado cool.

Importante: é um facto que este tipo de pesquisa vai mudar o SEO e o futuro do Search será conversado.

Entre dicas de SEO e tendências, o caminho é mais do que nunca a criação e otimização de conteúdos que representem respostas completas às pesquisas dos utilizadores. Prepare o seu website para responder e atrair potenciais clientes. Se precisar de apoio, fale connosco.


Faça download do nosso ebook descubra tudo o que precisa de saber sobre SEO.

17 Mitos sobre SEO